O Mikoyan-Gurevich MiG-3 (russo: Микоян и Гуревич МиГ-3) foi um caça soviético de interceptação usado durante a Segunda Guerra Mundial. Foi um desenvolvimento do MiG-1 pela OKO (Opytno-konstruktorskij otdel - Departamento de Projetos Experimentais) da Zavod (Factory) No. 1 para solucionar problemas encontrados durante o desenvolvimento e operações do MiG-1. Substituiu o MiG-1 na linha de produção na Fábrica No. 1 em 20 de dezembro de 1940 e foi construído em grande número durante 1941, antes da Fábrica Nº 1 ser convertida para construir o Ilyushin Il-2.

Em 22 de junho de 1941, no início da Operação Barbarossa, cerca de 981 unidades estavam em serviço com as Forças Aéreas Soviéticas (VVS), as Forças de Defesa Aérea Soviética (PVO) e a Aviação Naval Soviética. Ele fora projetado para combate em grandes altitudes, mas o combate na Frente Oriental era geralmente em altitudes mais baixas, onde era inferior ao alemão Messerschmitt Bf 109.

Não obstante, era o melhor que a União Soviética podia fabricar e dispor na frente de combate, fazendo frente aos nazistas e não deixando com que os bombardeiros e ataques nazistas fossem fáceis nos céus soviéticos.

Sobre o kit

Com detalhes na cabine e nos porões, assim como em toda a fuselagem, esse kit se destaca pela alta qualidade do molde como um todo. É de fácil montagem e acabamento, podendo receber diversas camuflagens.

Atenção! Kit para montagem, imagens meramente ilustrativas.

Mig 3 - Early Version - Trumpeter - 1:48
R$135,00
Esgotado
Mig 3 - Early Version - Trumpeter - 1:48 R$135,00

O Mikoyan-Gurevich MiG-3 (russo: Микоян и Гуревич МиГ-3) foi um caça soviético de interceptação usado durante a Segunda Guerra Mundial. Foi um desenvolvimento do MiG-1 pela OKO (Opytno-konstruktorskij otdel - Departamento de Projetos Experimentais) da Zavod (Factory) No. 1 para solucionar problemas encontrados durante o desenvolvimento e operações do MiG-1. Substituiu o MiG-1 na linha de produção na Fábrica No. 1 em 20 de dezembro de 1940 e foi construído em grande número durante 1941, antes da Fábrica Nº 1 ser convertida para construir o Ilyushin Il-2.

Em 22 de junho de 1941, no início da Operação Barbarossa, cerca de 981 unidades estavam em serviço com as Forças Aéreas Soviéticas (VVS), as Forças de Defesa Aérea Soviética (PVO) e a Aviação Naval Soviética. Ele fora projetado para combate em grandes altitudes, mas o combate na Frente Oriental era geralmente em altitudes mais baixas, onde era inferior ao alemão Messerschmitt Bf 109.

Não obstante, era o melhor que a União Soviética podia fabricar e dispor na frente de combate, fazendo frente aos nazistas e não deixando com que os bombardeiros e ataques nazistas fossem fáceis nos céus soviéticos.

Sobre o kit

Com detalhes na cabine e nos porões, assim como em toda a fuselagem, esse kit se destaca pela alta qualidade do molde como um todo. É de fácil montagem e acabamento, podendo receber diversas camuflagens.

Atenção! Kit para montagem, imagens meramente ilustrativas.