Em meados de 1950, a US Navy publicou uma RFP para um novo avião a ser utilizado em seus porta-aviões. Esse avião, deveria possuir não só a típica robustez necessária para operar em navios aeródromos, como também ser capaz de levar uma grande carga de munição para ataque, inclusive artefatos nucleares. Os outros requisitos da Navy eram, que o avião tivesse alcance velocidade de até 805 km/h, possuísse raio de ação de ao menos 555km e transportar mais de 900kg de armas.

Edward Henry Heinemann, o grande projetista da Douglas Aircraft Company, ao receber esses requisitos não reinventou a roda. Em suas palavras “peguei o melhor motor a jato, coloquei asas e esqueci o resto”. O projeto desse avião é simples, o que poupou anos de desenvolvimento, permitindo a introdução do caça em serviço em pouco mais de 2 anos após o primeiro desenho do projeto.

Experimentou o combate e as mais duras e perigosas missões da aviação a jato, entre elas, eventos históricos que são:

1 – A primeira missão Wild Weasel, que consistiu no primeiro ataque sistemático e preciso, de baterias de misseis SA2 no Vietnã, que até então vitimaram dezenas de pilotos americanos. Nessa ocasião, um A-4 e um par de F-100 foram preparados com sistemas eletrônicos e armas desenvolvidos especialmente para esse tipo de missão, que envolvia a penetração em espaço aéreo controlado pelo inimigo e recheado de sistemas anti-aéreos.

2 – Missões de ataque heroicas das forças argentinas na guerra das Malvinas/Falklands, onde grupos de A-4 atacaram vários navios britânicos, inclusive destroyeres moderníssimos e armados até os dentes. Os A-4 enfrentaram a força tarefa britânica armados basicamente com bombas “burras” de queda livre e seus canhões. Os A-4 argentinos afundaram diversas embarcações ou as mandaram para as docas. Estão na lista de navios vítimas dos A-4 argentinos: HMS Glasgow, Argonaut, Brilliant, Ardent, Antelope, Sir Galahad, Sir Tristan...

 

Sobre o kit

Espetacular kit da Hobby Boss, que apresenta um modelo incrivelmente detalhado e recheado de peças. Conta com folhas de decais farta e peças com uma riqueza sem igual de detalhamento. É um kit grande, com set de armas e equipamentos, que certamente possibilita uma ótima montagem!

Atenção! Kit para montagem, imagens meramente ilustrativas!

A-4 F Sky Hawk - Hobby Boss - 1:48
R$220,00
Quantidade
A-4 F Sky Hawk - Hobby Boss - 1:48 R$220,00

Conheça nossas opções de frete

Em meados de 1950, a US Navy publicou uma RFP para um novo avião a ser utilizado em seus porta-aviões. Esse avião, deveria possuir não só a típica robustez necessária para operar em navios aeródromos, como também ser capaz de levar uma grande carga de munição para ataque, inclusive artefatos nucleares. Os outros requisitos da Navy eram, que o avião tivesse alcance velocidade de até 805 km/h, possuísse raio de ação de ao menos 555km e transportar mais de 900kg de armas.

Edward Henry Heinemann, o grande projetista da Douglas Aircraft Company, ao receber esses requisitos não reinventou a roda. Em suas palavras “peguei o melhor motor a jato, coloquei asas e esqueci o resto”. O projeto desse avião é simples, o que poupou anos de desenvolvimento, permitindo a introdução do caça em serviço em pouco mais de 2 anos após o primeiro desenho do projeto.

Experimentou o combate e as mais duras e perigosas missões da aviação a jato, entre elas, eventos históricos que são:

1 – A primeira missão Wild Weasel, que consistiu no primeiro ataque sistemático e preciso, de baterias de misseis SA2 no Vietnã, que até então vitimaram dezenas de pilotos americanos. Nessa ocasião, um A-4 e um par de F-100 foram preparados com sistemas eletrônicos e armas desenvolvidos especialmente para esse tipo de missão, que envolvia a penetração em espaço aéreo controlado pelo inimigo e recheado de sistemas anti-aéreos.

2 – Missões de ataque heroicas das forças argentinas na guerra das Malvinas/Falklands, onde grupos de A-4 atacaram vários navios britânicos, inclusive destroyeres moderníssimos e armados até os dentes. Os A-4 enfrentaram a força tarefa britânica armados basicamente com bombas “burras” de queda livre e seus canhões. Os A-4 argentinos afundaram diversas embarcações ou as mandaram para as docas. Estão na lista de navios vítimas dos A-4 argentinos: HMS Glasgow, Argonaut, Brilliant, Ardent, Antelope, Sir Galahad, Sir Tristan...

 

Sobre o kit

Espetacular kit da Hobby Boss, que apresenta um modelo incrivelmente detalhado e recheado de peças. Conta com folhas de decais farta e peças com uma riqueza sem igual de detalhamento. É um kit grande, com set de armas e equipamentos, que certamente possibilita uma ótima montagem!

Atenção! Kit para montagem, imagens meramente ilustrativas!